Olá pessoal, como estão? Mais uma resenha de um livro maravilhoso ♥


O cartão havia chegado em suas mãos como presente num fechamento de negócios.
“Algo que somente alguns saberiam apreciar”, disseram.
Ele não ficara tentado até aquela noite. 
Uma limusine o conduz pelas ruas de Nova York até o casarão antigo. No ambiente escuro e decadente, todos usam máscaras e há apenas uma regra: Sem rostos, sem nomes. 
Ele estava obcecado pela garota de máscara azul. Como um predador ele “caçou” sua presa pelos corredores do clube, ansiando por seu rosto e por seu corpo.
Quando a noite termina ela havia fugido sem deixar rastro.
Ele pensou que nunca mais fosse encontrá-la. Que ela existiria para sempre apenas na sua imaginação.
Então ele a encontrou.
Onde ele jamais poderia sequer imaginar: A garota da máscara azul do clube de perversão era agora a inocente babá dos seus sobrinhos.




Eu demorei muito para ler esse livro por  que no começo ele é um pouco confuso, porém o desenrolar dele se mostrou ótimo, eu jamais imaginaria que isso foi acontecer, eu pensei que seria mais um livro com um romance chato e clichê, porém é uma história totalmente diferente da que eu esperava.
É por isso que eu demoro sempre para ler um livro de romance, por que a maioria é aquele mesmo romance de sempre, porém esse livro ele é um romance mas é diferente, eles tem uma prioridade além do amor, na verdade duas prioridades hahaha.
Eu fiquei até quase 4 da manhã lendo até completar 83% no Kindle, até que hoje de manhã, antes de sair da cama eu o terminei. Enfim... Vamos terminar essa resenha.

O livro conta a história de Melinda Kelly, uma linda estudante de jornalismo que se vê obrigada a ir à uma boate completamente proibida onde só freqüentavam figurões pois seus amigos Jaxon e sua colega de quarto Sharon, namorada de Jaxon, lhe dizem que ia conseguir uma ótima matéria e que sua carreira iria deslanchar.
Melinda se vê obrigada a ir aquele lugar onde magnatas realizam seus sonhos mais profundos e secretos. O dono da boate se chama Santino Salvatore, alguém no você quando lê fica agradecida e enojada ao mesmo tempo.
Andrew recebe um convite, um lugar onde a regra é: sem nomes, sem rostos, porém ele fica encantado pela bela moça de mascará azul, eles se envolvem (se é que me entende), ele a procura por toda a boate, ele a encontra, porém ela foge.
Um ano se passa, até que eles se reencontram, Melinda não o reconhece, mas Andrew é incapaz de esquecer aqueles olhos marcantes, cabelos e o cheiro, o mesmo cheiro que ela exalava naquela boate.
Andrew a persegue, ela nega até o final, ela é a babá de seus sobrinhos, ou não... É bem confuso mesmo, até que a verdade vem a tona, e tudo se torna uma completa briga, famílias abaladas e provavelmente destruídas por um segredo guardado e um plano bem planejado por quase seis meses.

O livro me surpreendeu completamente, tanto é que só parei de ler quando terminei, dormi tarde e tudo mais, estou triste por que o livro terminou hahaha.
Bom, parceira maravilhosa Juliana Dantas, eu amei esse livro, não tenho palavras para descrever o quanto estou impressionada com a escrita e com o desenvolvimento dele. Amei mesmo. Cinco estrelas com certeza.


Espero que tenham gostado, beijos e até a próxima.


Deixe um comentário